sábado, 12 de março de 2011

LEILA LOPES: QUANDO A DOR DA ENDOMETRIOSE NOS LEVA AO EXTREMO!!

Antes de começar, deixo claro que a intenção é sempre mostrar a realidade e o que a doença pode causar em uma mulher. A maioria de nós somos incompreendidas quando estamos com dores, e, para muitas que sofrem com as dores severa da doença, esta é uma realidade diária. Antes de colocar este vídeo, pensei, repensei, e achei que seria útil, pelo menos, para explicar a 'nossa cara de dor'. Talvez a partir deste vídeo, muitas pessoas que não compreende as dores de uma portadora passam a compreendê-la. Ao mesmo tempo, eu também faço questão deste post, para mostrar o quanto a doença nos derruba. Olha como ficamos! O pior é que quando perguntam: “que cara é essa”, e nós falamos: “é a dor”, ou “estou com muita dor”, as pessoas acham que é frescura. Quando assisti a este vídeo, voltei ao tempo, exatamente no dia em que foi exibida esta matéria, no programa "TV Fama", da Rede TV!. Era meados de outubro de 2009, eu era repórter de um site de celebridades. No dia seguinte, um repórter de lá teve a missão de falar com ela. Leila diz sentir uma dor que não tem explicação, estava à base de morfina, mesmo assim as dores não melhoravam muito. Ela dizia ser uma pessoa de sorte, porque os médicos falaram que não era um câncer, mas o fato é que ela ainda não sabia o que tinha.

Ela já estava internada há mais de 15 dias, em um conceituado hospital de São Paulo. Thiago, o repórter que virou um querido, amigo, ficou um tempão com ela ao telefone. Quando desligou, perguntei: “O que ela tem Thiago?”. “Ainda não sabe, está fazendo vários exames”, respondeu. Curiosa e com a pulga atrás da orelha, indaguei: “O que ela sente”. “Uma dor forte no pé da barriga, está com muita diarreia, com muita dor mesmo....”. Depois de sua explicação, disse: “pelos sintomas, parece ser endometriose. Liga lá e fala pra ela.”. Mas ele não ligou naquele dia, mas sim, alguns dias depois. O diagnóstico? Bingo! Endometriose! Aí, ele vira e fala: "Nossa, Carol, não é que é endometriose mesmo." Antes do diagnóstico, ela havia agradecido por não ter câncer, mas acho que ela não sabia que portava uma doença benigna, mas que pode ter um comportamento maligno. O vídeo emociona, faz chorar, as lágrimas correm. É muito sofrimento, a feição de dor, a voz de dor, olha a cara dela passando mal.

É assim que a maioria de nós ficamos, pálidas, sem rumo, sem prumo, loucas para saber de onde vem essas dores que nos tiram do sério e nos deixam loucas. E ficamos mais loucas ainda, para que essas dores absurdas, que chegam sem pedir licença, passem. Por muitas e muitas vezes, eu fiquei assim, mas nem todo mundo acreditava que a dor que eu sentia, era para tanto. Eu ainda sinto dores, hoje é um desses dias, com dor muito forte. Já tomei três comprimidos de Buscopan Composto e nada. A dor latejante continua lá, e a minha perna esquerda dói muito. A endometriose da atriz estava localizada no útero, que estava aderido ao intestino. Retirou o útero. No vídeo, Leila falou algumas vezes que tinha muita FÉ, e que confiava em Deus. Menos de dois meses depois, início de dezembro, ela foi encontrada morta em seu quarto. O que tudo indica, até mesmo pela carta que deixou, ela se suicidou. Eu continuava no site e foi missão do Thiago correr atrás da notícia. Cada repórter tem seus personagens e a Leila era dele. Várias coisas rondaram meus pensamentos.

É triste esse fim, mas infelizmente, nós, portadoras de endo, temos que ter muita FÉ mesmo, para descobrir e tratar a doença. A doença mexe com todo o nosso corpo, inclusive, com a cabeça. É muito difícil mesmo você sentir dor 24 horas por dia e ser considerada por muitos como "a preguiçosa", ou "aquela que só pensa em dor", "aquela fresca que não quer fazer nada". Quem não consegue superar estes obstáculos, pode ter o mesmo fim trágico de Leila. Por isso, o apoio da família, do parceiro e dos amigos faz toda a diferença para a mulher com endometriose. Se você encontrar com uma endomulher e vê-la com o semblante assim, dê atenção, dê amor, pergunte se precisa de algum remédio, de alguma ajuda porque a dor é muito forte, viu. Não estamos inventando e também não é frescura. Pense nisso! Beijos com carinho!!

Link do Vídeo:




47 comentários:

  1. É muito intenso ver este vídeo e estas palavras. Parece que ela está descrevendo o que cada uma de nós sente.
    Beijo grande

    ResponderExcluir
  2. Concordo com vocês, minhas queridas amigas! Ontem, eu estava mal, mais ou menos com essa cara, mas quase ninguém entende o que sentimos. Infelizmente, é como eu falo... só quem sente a dor da endo, sabe o quanto ela é terrível, o quanto dói. Em 2010, estive em Portugal... Lisboa, Sesimbra e Cascais. Achei tudo lindo, fiquei encantada!Quero voltar um dia!! Beijo grande!!

    ResponderExcluir
  3. Adriana Heintz Dias Moro13 de março de 2011 16:24

    E Amigas também já tinha visto esse video, e muito doloroso, só que as pessoas ao nosso redor não sabem o que sentimos,acabamos passando por hipocondriaca e muito dificil, mais ficamos com a mesmo cara...fiquem com deus..
    Caroline meus parabéns pelo seu blog, aqui Vitória-ES ainda não e bem divulgado a endometriose as pessoas nem sabem o que é....mais vamos na luta bjs

    ResponderExcluir
  4. Carol, eu já havia visto o vídeo pelo blog da MulherEndo e realmente é chocante!!! Mostrei para o meu marido, para que ele entenda um pouco de nossas dores, ele também ficou espantado com tanta dor narrada pela Leila Lopes. Temos que ter Fé, para que os médicos descubram a cura ou tratamentos mais eficazes. Pois eu já operei e logo depois quando menstruei senti uma das piores dores, dai veio o balde de água fria, porque achei que depois da videolaparoscopia estaria curada, mas não foi o que aconteceu. Na video o médico descobriu que minha bexiga está 2cm dentro da parede uterina, por consequências das aderências causadas pela endometriose. Então está aí o motivo de tantas dores até mesmo para urinar! Espero que suas dores passem logo. bjos

    ResponderExcluir
  5. Olá Gláucia! Coloquei o vídeo para as pessoas refletirem um pouco sobre a nossa dor. Para quando falarmos "estou com dor", não falarem "para de pensar em dor', ou "você só fala em dor, para". Você está melhor? Realmente, as aderências doem muito mais. Eu estava com todos os meus órgãos abdominais aderidos. Uma loucura!!Obrigada pelo carinho! Espero que as sua dor também passe logo. Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Caroline, quando vier de novo a Portugal não esqueça de avisar! Teremos todo o gosto em juntar um grupinho de meninas para fazer um lanche e conversar pessoalmente:)
    Um beijos e as melhoras

    ResponderExcluir
  7. Oi Caroline! O blog eh muito oportuno e o video da vida as nossas queixas, ele consegue traduzir a frase que nem nos conseguimos repetir e nem as pessoas que nos cercam não aguentam mais ouvir, estou com dor! Descobri a endometriose apos 09 anos de muitas dores e quando eu me preparava para engravidar... Hoje são 5 anos de lutas, 4 cirurgias em 3 anos e a balatlha continua. Parabens pelo blog, eh muito bom saber que não estamos sozinhas. A fe em Deus e o carinho da familia me ajudam a não abandonar a luta. Adriana Henrique

    ResponderExcluir
  8. Olá amiga, vi você falando que toma Buscopam Composto para suas dores. Elas te ajudam, resolvem? Porque as minhas não resolviam mais, aí minha médica me receitou PONSTAN. Para mim, é MARAVILHOSO!!! Fica a dica se quizerem tentar. Beijos!!!!

    ResponderExcluir
  9. Oi Carina, querida. No meu caso, foi o contrário. Eu comecei tomando Ponstan, mas com o tempo parou de fazer efeito, aí mudei para o Buscopan Composto. Obrigada pela dica!! Quando tiver mais, é sempre bem vinda. Beijos com carinho!!

    ResponderExcluir
  10. Olá Drica! Não precisa agradecer pelo blog, não. Ele é nosso!! Você é muito bem vinda. O importante é continuarmos firmes e fortes nesta luta. Beijos com carinho!!

    ResponderExcluir
  11. CAROL, MEU NOME É ADRIANA TENHO UM CISTO NO OVARIO DIREITO DESDE JANEIRO COM MUITAS DORES AS MESMAS DORES NARRADAS AQUI POR VCS,JÁ FUI EM DIVERSOS MEDICOS, O MEU EXAME APARECE CISTO HEMORRAGICO OU ENDOMETRIOMA, NA VERDADE JÁ FIZ RESSONANCIA DA PELVE A MEDICA DISSE QUE ESTÁ TUDO OK QUE NÃO É ENDOMETRIOSE. MAIS SEMPRE PERGUNTO DOUTORA PORQUE TANTA DOR?ELA DIZ QUE É NORMAL POIS TENHO UM CISTO E MEU OVARIO ESTÁ AUMENTADO.. TÁ DIFICIL DORES TODOS OS DIAS AS VEZES MENOS AS VEZES MAIS...AGORA AGUARDO EM DEUS RESPOSTAS POIS ESTOU CANSADA DE IR NOS MEDICOS E OUVIR ISSO É NORMAL... UM GRANDE BEIJO E É UM PRAZER CONHECER UMA PESSOA COM VC AQUI.

    ResponderExcluir
  12. Olá Adriana, como vai?
    Olha sentir dores não é normal, não, viu. Em qual cidade você mora? Eu aconselho você a procurar outro médico. A sua deve estar muito enganada! Alguns cistos de ovários pode ser sim, a endometriose. E, pelo que você contou, o seu parece que deu endometriose. Endometrioma é um tipo de endometriose. Se você morar em São Paulo, eu posso ajudá-la. Envia-me um e-mail que passo o tel. do ambulatório da UNIFESP. Um lugar incrível, com médicos competentes e, acima de tudo humanos, que nem parece que é do SUS... carolinesalazar7@gmail.com Beijos com carinho!!

    ResponderExcluir
  13. Oi Adriana? Tudo bem olha eu tb tenho essa doença horrivel essa dor chega ao extremo e por isso foi muito dificil passar e ate descobrir.Tive ao vinte anos e submetir a cinos cirurgia .Sofre demais e agora depois de sete anos estou novamente e com a endometriose da parede abdominal ela voltou pior ainda estou entratamento. Graças a deus foi opperar e sair desse sofrimento. Agora so esperar e agradecer .

    ResponderExcluir
  14. eu tambem tenho endomitriose e nao estou aguentando mais de dor e estou sangrando sem parar por dois meses e tomando remedio que nao adianta de nada o que posso fazer alguem me diz alguma coisa a médica quer colocar o diu mirena mais meu organismo pode rejeitar e a segunda opção é a cirurgia por mim eu faço se passar essa dor insuportavel é pior que ter filho de parto normal mas a medica que ver se algum remedio diminui a dor para depois fazer a cirurgia se necessario um abraço

    ResponderExcluir
  15. oLÁ PESSOAL.!!Lendo os depoimentos vejo que cada uma tem uma história diferente...sindo dores latejantes que surgem e somem quando elas querem e elas são crescentes até pararem. Ontem atirei a toalha e fui para um PS tentar um medicamento que surta efeito e tomei soro com buscopan e profenid...nem cosquinha....em novo soro tomei Tramal com plasil como diminui bastante durante as duas horas de soro resolvi dizer que passou, mas vim para casa ainda com alguma dorzinha...mas ela finalmente passou e das 1h30 horas até as 7h00 eu dormi muito bem. Mas vejam...minhas dores sempre começavam DEPOIS da menstruação...NAS PRIMEIRAS VEZES ERAM na ovulação 14 dias depois. e em 13 anos elas foram se aproximando para o final dos dias de sangramento durando de 3 a 5 dias com dor crescente a cada dia com tempo mas prolongado em que ela persiste. Ontem fiquei com dor durante 20 horas.... Não fiz a videolaparoscopia porque tenho receio de outros problemas inclusive o retorno....o que eu quero é NUNCA MAIS MENSTRUAR, porém nenhum anticoncepcional me permite ficar muito tempo segurando, SOMENTE diane 35 o que para minha idade o médico diz ser perigoso ter AVC esquemico....fica dificil..pois todos os outros dão escape o que é extremamente desconfortável. eNFIM....SÓ SEI DIZER QUE não quero mais menstruar.......

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adriana, querida, como vai?
      Realmente cada portadora, uma história. Talvez, por isso, que a doença ainda é um enigma na medicina. Não há um tratamento ideal, cada organismo reage de um jeito. O importante é você ser acompanhada por quem realmente conhece e entende sobre a doença. Eu indico médicos em SP, ES e em Cascavel, no Paraná. Em SP, indico pelo SUS e por convênio. Se precisar de ajuda, meu email é carolinesalazar7@gmail.com Beijo carinhoso!! Caroline Salazar

      Excluir
  16. Uma vez eu tive tanta dor..tando dor...remedios nao eram nada...eu queimei a barriga (regiao da pelves) com tantas compromessas quentissimas. Naquele dia eu tive um doentil instinto de pegar um faca e cortar meu ventre.Eu nunca esqueco que tive esse pensamento suicida...eu tive a impressao que doeria menos...So quem tem endometriose sabe do que estou falando. Isso foi antes da primeira videolaparoscopia.Hoje nao deixo menstruar.

    ResponderExcluir
  17. Não consigo ouvir o que ela diz só uma musica de fundo... :(

    ResponderExcluir
  18. Ola Caroline,meu nome é Claudia e eu sou portadora de endometriose.Fiz uma videolaparoscopia a uns 5 anos atras o exame relatou que eu estava com uma trompa totalmente obstruída e a outra semi obs o médico passou gestinol 28 mais eu não não tomei por muito tempo parei pois estava engordando muito logo então engravidei mais sentia muta dor fina e forte no pé da barriga e nem desconfiava que poderia ser uma gravides já que ele deixou claro que eu só iria engravidar se fosse feito inseminação logo então peguei uma infecção intestinal e tomei muito antibiótico quando descobri a gravidez de 2 meses no dia seguinte ja sentir uma dor que me deu vontade de morre eu nem conseguia colocar os pés no chão achei que eu iria morre de tanta dor é muito terrivel fora a barriga que fica sempre enxada hoje eu estou sem tomar contraceptivo e sem uma acompanhamento medico preferia tira logo tudo para aliviar o sofrimento.

    ResponderExcluir
  19. Meu nome é Jéssica,esse mês tive muitas dores,ñ sabia o q fazer,meu marido ficou desesperado por q ñ saber o q fazer ...fiquei horas sofrendo. Não sei o q fazer,estou tomando o remédio Cerazette,assim como o médico falou:sem interrupção. Mas continuo menstruando e com dores....ñ aguento mas....fora q me sinto inchada e dolorida! Muito triste e deprimida.

    ResponderExcluir
  20. Meu nome é Telma, sou de São Paulo. Chorei ao ver este vídeo porque me vi nele.
    Em fevereiro de 2012 fui internada no Hospital São Camilo da Pompéia com muita dor abdominal e diaréa. Também tinha intensa mestruação, fiquei internada por 7 dias, fiz diversos exames: vários de sangue, tomografia, ressonância magnética, endoscopia, colonoscopia, vários tipos de ultra som. Melhorei e tive alta, então começaram a vir os diagnósticos: Endometriose, hiperplasia Nodular Linfática, 100% de intolerância a lactose, sensibilidade a Glúten, e Tireoidite de Hashimoto. Ainda estou fazendo exames para fechar o laudo de doença celíaca. Precisei mudar radicalmente minha alimentação, comecei a tomar injeções para tratar a endometriose. Nesta época o que mais me entristeceu foi a falta de sensibilidade das pessoas, principalmente no meu lado no trabalho, a ponto de um superior meu perguntar se eu tinha ficado internada porque estava com caganeira, no setor que eu trabalhava começou a festa do café da tarde. Levavam pães, bolos, tortas, e é claro que algumas pessoas faziam questão de me oferecer, bom, um dia a graça acabou ou elas começaram a ficar gordos rs rs rs... Coloquei nas mãos de Deus, e ele foi tão bondoso que hoje trabalho em outro local com pessoas maravilhosas.

    Estou aprendendo a conviver com minha doença. E quanto aos outros.
    CADA UM DÁ O QUE TEM.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola meu nome e luana. tenho 16 anos e a tres meses venho sofrendo com essa doenca endometriose nao aguento 24 horas com dor,e muito ruim tem pessoas, que diz isso e so friscura mais so sab quem sente . Venho tormando remedio todos os dias mais a dor.ta do mesmo jeito cada vez piorando,eu entendo todos vcs que sente isso perso a deus todos os dias que de a saude de todoas nois pq nao e facil supera isso boa sorte pra todas voces..

      Excluir
  21. Ola meu nome é Isabella e tenho 14 anos estava lendo os textos de vocês e acho que podem me ajudar, tenho essa mesma dor mas não é sempre que ela vem forte a primeira vez eu tinha 12 anos. Começou com uma dor normal mas ela foi aumentando até eu não conseguia mais andar sozinha e estava muito branca e vomitando. Fui ao medico de cadeira de rodas e chegando lá me encaminharam para a emergencia pensando que era "apendicite" mas expliquei onde estava doendo, no mesmo momento me levaram para uma sala e me deram 1 saco de soro e 2 de buscopam adormeci, quando acordei ainda estava com um pouco de dor, perguntei ao medico o que era ele disse que não era nada apenas que meu corpo estava em fase de transformação. E toda fez que está perto de eu ficar menstruada vem essa dor novamente isso está certo?

    ResponderExcluir
  22. Rosane de Quadros Machado3 de agosto de 2014 19:39

    Olá meu nome é Rosane e também tenho essas dores, mas não tenho o diagnostico , vou fazer uma colo , mas é horrível as dores as vezes chego a me abaixar de tanto dor.

    ResponderExcluir
  23. Oi!! meu nome é Kelen, fui diagnosticada em 2010, passei mais de 6 meses sangrando direto a procura de um medico que operasse no 9 medico só operava particular mas sabia de um que fazia pelo convenio em fevereiro de 2011 operei antes ouvi deste medico que sou viciada em remédio isso ñ vou esquecer, somente em março sumiram todos os sintomas, 5 meses depois voltaram o mesmo medico receitou injeções tomei 1 de 3 sumiram os sintomas. Este ano em junho de 2014 eles voltaram estou procurando outro medico pois aquele deixou de atender pelo convenio, enquanto isso remédio pra dor e pra suspender o sangramento receitados pela medica que diagnosticou mais que não opera de endometriose.

    ResponderExcluir
  24. É gente, eu tenho endometriose ha 10 anos tomo cerazette e tenho efeitos desagradáveis mas se menstruo fico assim q nem a Leila... me recusei a fazer qualquer videolaparoscopia pois sei que não adianta nada e o que vejo são mulheres fazendo 3, 4, até 8 videos, retirando útero em uma busca incansável pela "cura" da endometriose... que todas sabemos, só se dá pela retirada dos ovários. HOje existe uma máfia da videolaparoscopia e os médicos, que ganham muitos milhares a cada cirurgia, preferem manter as pacientes com endometriose pois sabem que elas vão precisar de ser operadas novamente, ou seja, mais dinheiro pra eles. Até espalhar mitos de que retirar os ovários pode não curar a doença, ou que até pode "deixar a mulher ficar louca" eu já ouvi em consultórios. Tudo pra convencer a gente a continuar contribuindo pra essa máfia. Eu cansei de ler sobre endo, sobre o sofrimento com várias cirurgias, uma busca inútil e eterna pela cura dessa doença que vai nos matando aos poucos. Quando a cura está logo ali, na nossa cara, na RETIRADA DOS OVÁRIOS. É bem simples... mas foi criado um tabu em volta disso... e enquanto isso mulheres como eu, que não querem ter filhos, só querem viver e trabalhar e ser reconhecida por aqueles q eu amo, somos obrigadas a continuar vivendo uma 'meia vida' e imaginando o por que dos meus ovários serem mais importantes do q eu mesma. Acho q isso deve ter passado muitas vezes pela cabeça da Leila... E pela minha tb, já passou a idéia de acabar com a propria vida... Fica aqui o meu desabafo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Júlia, lendo seu desabafo me identifiquei,pois tenho sofrido muito por causa dessa doença, já retirei o útero que estava aderido ao intestino, melhorei por 1 ano,aí as dores voltaram,fiz novos exames e descobri que a endometriose está migrando para outros órgãos, tomo remédio para suspender a ovulação a quatro meses mais,como das outras vezes,já perdeu o efeito e estou me sentindo péssima, com dores,e os médicos se recusam a
      tirar meus ovários alegando menopausa, só que tenho medo pq nos meus últimos exames apareceu um risco de tumor maligno nos ovários por conta do endometrioma. Estou com medo,meu psicológico está muito abalado,na última crise de dor meu corpo inchou todo. Lendo os relatos aquie senti parte de algo,pq me achava só na terra. Ninguém compreende o que passamos,nos acham fraca,doentes,a solução que pode nos ajudar não querem nos dar. É muito triste!

      Excluir
    2. Olá Júlia, lendo seu desabafo me identifiquei,pois tenho sofrido muito por causa dessa doença, já retirei o útero que estava aderido ao intestino, melhorei por 1 ano,aí as dores voltaram,fiz novos exames e descobri que a endometriose está migrando para outros órgãos, tomo remédio para suspender a ovulação a quatro meses mais,como das outras vezes,já perdeu o efeito e estou me sentindo péssima, com dores,e os médicos se recusam a
      tirar meus ovários alegando menopausa, só que tenho medo pq nos meus últimos exames apareceu um risco de tumor maligno nos ovários por conta do endometrioma. Estou com medo,meu psicológico está muito abalado,na última crise de dor meu corpo inchou todo. Lendo os relatos aquie senti parte de algo,pq me achava só na terra. Ninguém compreende o que passamos,nos acham fraca,doentes,a solução que pode nos ajudar não querem nos dar. É muito triste!

      Excluir
  25. Tenho apenas 18 anos me chamo Geovanna com 17 comecei a sentir dores um pouco além de uma simples cólica menatrual, até que as dores foram aumentando a cada menstruação, um dia a dor veio muito forte, fui pro hospital, a médica me pediu exame de sangue pois tinha suspeita de apêndice, o resultado doa exames foram normais e nem a médica conseguia entender a dor que eu estava sentindo pois eu não conseguia suportar os toques dela para me examinar na área que estava doendo, ela me deu uns remédios e mandou eu voltar pra casa. Em seguida menstruei e as dores foram aumentando mes a mês sempre perto das datas da menstruação, no mês de julho deste ano eu desmaiei de tanta dor, fui levada pro médico, fizeram muitos exames e então veio a suspeita de endometriose, eu nem sabia direito o que era fiz ultrassonografia deu cistos nos dois ovários e a endometriose nada, a minha médica gineco diz que as dores são normais por conta dos cistos, ja tive duas hemorragias, dois desmaios, remédio nenhum controla minha dor, ouve um dia que tomei duas injeções e quatro remédios na veia e não fizeram o mínimo efeito. Minha médica a pouco tempo pediu um ultrassom para suspeita da endometriose mas não deu nada, ja fiz até exames para saber se não tinha câncer.
    A médica está continuando com meus exames para que ela possa achar oque eu tenho que no caso achamos que é endometriose para que eu possa ser encaminhada para uma cirurgia. É angustiante não saber ao certo o que vc tem.

    ResponderExcluir
  26. Primeiramente preciso parar de chorar para escrever, tenho 38 anos, já fiz 5 videolaparoscopias e a doença volta. Já tentei de td! Rezo todos os dias pela cura dessa doença. Realmente sinto dores terríveis, no intestino e no baixo ventre. Tentei duas fertilizações, para tentar engravidar, o que parece que depois disso as dores ficam pior. Hoje não tenho condições de fazer fertilização pois fico 4 dias de cama. Sinceramente, não sei mais o que fazer, estou sem trabalhar e sofrendo todo mês e as pessoas achando que é frescura!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois q faz laparoscopia vc parou de menstruar. A menstruação causa os focos. E vídeo so tira os focos. A menstruação faz voltar

      Excluir
  27. Eu tenho dores abdominais intensas, e as pernas? Estas doem, queimam, ficam pesadas. Fiz cirurgia de varizes, e nada, a dor persiste, doi as costas, doi as pernas. Tomo cerazete. Mas a dor continua.

    ResponderExcluir
  28. Sinto dores nas pernas e nos dois ultimo meses estou sentindo dores abdominais, a minha menstruação se retem e não a sangramento para fora do útero, vou receber o resultado do exame semana que vem, estive no hospital hoje e as dores abdominais são constante.

    ResponderExcluir
  29. Sinto dores nas pernas e nos dois ultimo meses estou sentindo dores abdominais, a minha menstruação se retem e não a sangramento para fora do útero, vou receber o resultado do exame semana que vem, estive no hospital hoje e as dores abdominais são constante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amiga tbm tenho dores abdominais tirei o útero e um cisto endometrioma na cicatriz da cesariana sinto dores por todo corpo quase o mes todo minhas pernas estão inchadas e a esquerda doi demais estou com medo de ter que operar de novo tiver que tirar os ovários

      Excluir
    2. Olá amiga tbm tenho dores abdominais tirei o útero e um cisto endometrioma na cicatriz da cesariana sinto dores por todo corpo quase o mes todo minhas pernas estão inchadas e a esquerda doi demais estou com medo de ter que operar de novo tiver que tirar os ovários

      Excluir
  30. Oi Sou a Edna estou sofrendo a 3 anos com dor descobri agora a Endometriose profunda, tenho dores dentro do anus, parece que sempre estou com cistites, não posso segurar o xixi, a dor é di mais, agora não passa a dor na costas, 24 horas com dor! Meu convênio não cobre cirurgia, estou esperando o SUS!
    Detalhe reclamo dessas dores a 3 anos com meu ginecologista, e ele não descobri, foi com a médica do postinho que colocou meu DIU, que descobriu, mulheres são mais sensível!
    Por favor Caroline pode me passar o telefone desse lugar que cuida de Endometriose?
    edna.antunes. bernardo@gmail.com
    Obrigada

    ResponderExcluir
  31. Oi Sou a Edna estou sofrendo a 3 anos com dor descobri agora a Endometriose profunda, tenho dores dentro do anus, parece que sempre estou com cistites, não posso segurar o xixi, a dor é di mais, agora não passa a dor na costas, 24 horas com dor! Meu convênio não cobre cirurgia, estou esperando o SUS!
    Detalhe reclamo dessas dores a 3 anos com meu ginecologista, e ele não descobri, foi com a médica do postinho que colocou meu DIU, que descobriu, mulheres são mais sensível!
    Por favor Caroline pode me passar o telefone desse lugar que cuida de Endometriose?
    edna.antunes. bernardo@gmail.com
    Obrigada

    ResponderExcluir
  32. Oi meninas! Tenho 24 anos..em fevereiro de 2015 senti a primeira dor forte, fui ao hospital e suspeitaram de apendicite, não era.Fizeram diversos exames e apareceu um cisto, as dores eram pq o cisto tinha rompido.Desde então as dores continuaram em menor intensidade em junho precisei ir ao hospital,fiz diversos exames e nada!De junho a outubro continuei indo a médicos,postos de saúde,paguei consultas particulares pois tinha dores todos os dias, um inferno.Em Outubro fui internada..falaramq ue eu estava com infecção pélvica, fiquei 5 dias internada tratando com medicação na veia (antes eu ja havia tratado infecção pélvica via oral) saí do hospital e me informaram que na 3ª cartela do anticoncepcional as dores sumiriam.Estou na 5ª cartela e permaneço em um inferno..tem dias que não consigo levantar da cama de tanta dor, as pernas não respondem aos meus comandos,choro muito.Tenho quase certeza que tenho endometriose mas nenhuma das vezes nenhum médico me deu ouvidos! Buscopan e tilex já não resolvem mais nada,as pessoas não me entendem, acham que é fiasco.Eu não aguento mais isso..não voltei mais no médico pois me sinto triste já que não investigam profundamente..eu não sei o que fazer!Tenho vontade de eu mesma me abrir e tirar meu utero de dentro de mim,não aguento mais esse inferno, não aguento mais não ter uma vida normal! :(

    ResponderExcluir
  33. Gente, boa noite!! Sou portadora da endometriose e estou em tratamento com o medicamento allurene há 4 meses, mas continuo sangrando e sentindo dores... Alguem pode me orientar??

    ResponderExcluir
  34. Nossa, vi esse vídeo hoje, e é exatamente o que eu sinto todo mês e ninguém entende. Dor incapacitante.

    ResponderExcluir
  35. Oi meninas tenho 26 anos e tem 3 anos que descobri endometriose e adenomiose, passei po r mais de 6 ginecologistas todos passaram todos os metodos de anticocepcionais comprimidos, adesivos, aneis.
    Menstruei desde os 9 anos é muita dor que repuxa a perna.
    Coloquei o diu Mirena medicamentoso mais as dores nao sessao,medicamento agora ja virou agua..
    E meus pais estao pensando que eu to mentindo ou que é pisicologico.
    Nao sei o que fazer tranquei Facul, me isolei, AS pessoas nao estao preparadas para ouvir AS tristezas e dores DOS outros .
    Só precisava desabafar.

    ResponderExcluir
  36. São dores horríveis, da vontade de enfiar uma faca na barriga parar. Vou ao banheiro várias vezes, sinto nausea de tanta dor. Pior de tudo que esses remédios comum não alivia em nada. Pode parecer irreal, mas é a pior dor que já senti. E a verdade que existem médicos despreparados, ao invés da supeita ter sido de um(a) ginecolista, foi de um outro especialista.

    ResponderExcluir
  37. São dores horríveis, da vontade de enfiar uma faca na barriga parar. Vou ao banheiro várias vezes, sinto nausea de tanta dor. Pior de tudo que esses remédios comum não alivia em nada. Pode parecer irreal, mas é a pior dor que já senti. E a verdade que existem médicos despreparados, ao invés da supeita ter sido de um(a) ginecolista, foi de um outro especialista.

    ResponderExcluir
  38. Não sei se alguém lembra, mas Leila lopes se suicidou pouco tempo depois de descobrir a doença, muitos dizem que foi pela falta de convites para novas novelas, uma depressão pós fama, mas creio eu que a descoberta da doença influenciou pq na carta que ela deixou ela diz que não quer envelhecer e sofrer até a morte como a mãe dela sofreu...

    ResponderExcluir
  39. Oi meninas tenho 39 anos e sofro de endometrioma, descobri a doença a pouco tempo mais ja sinto os sintomas a alguns anos sem saber o que era chegaram a dizer que era infeção urinária mais a dor so amenizou por um tempo por causa dos antibióticos depois voltarão com toda força, sinto. dores nas costa,nas pernas e pe da barriga e muito ruim mais aida por saber nem tos acreditam na intensidade da dor pr isso fico muito grata pelo blg e pelos comentários pois vejo que não estou sozinha

    ResponderExcluir